Especial REC Conquista | Cinema, memórias e infâncias

Por - 7 de março de 2023

Durante a programação da 2ª Semana de Projeção REC Conquista, trazemos em nosso site textos produzidos por professores, pesquisadores e críticos de cinema que refletem sobre os filmes e temáticas do evento.

Os filmes Patrício (2014), Um menino chamado Kaique (2015), Amoras (2014) e O sonho de Zezinho (2021), exibidos nesta terça-feira, 7, na Mostra Olhares Sobre a Infância, da 2ª Semana de Projeção REC Conquista, nos apresentam elementos para pensarmos as diferentes infâncias e as questões que as norteiam: as relações estabelecidas com os adultos e os espaços físicos, as desigualdades sociais, os porquês, as curiosidades, os medos, os sonhos e fantasias.

Chama-nos a atenção a forma como o brincar, a ludicidade permeia cada um dos filmes em diferentes situações e sendo um elo de diálogo entre as personagens, inclusive nos momentos do silêncio. Patrício, de Daniel Leite Almeida, nos apresenta as memórias da infância de um adulto, os rituais cotidianos para ir à escola. Já Um menino chamado Kaique, de Isac Flores, nos conta a história e as vivências escolares de uma criança com deficiência. Provoca-nos a pensar sobre as políticas públicas de inclusão no Brasil.

Amoras, de Patrícia Moreira e Cornélio Cunegundes, aborda o processo de construção da relação de uma criança e sua avó. Provoca a reflexão e o debate em torno do cuidado e proteção da infância. Em O sonho de Zezinho, de Edmundo Lacerda, nos é apresentado, por fim, a realização de um sonho de infância que foi se construindo com a relação que o menino tinha com o cinema e que se fazia presente nas brincadeiras. O menino cresceu e, já como idoso, vê seu sonho concretizado.


*Isabel Cristina de Jesus Brandão é professora da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. Coordena o Grupo de Pesquisas e Estudos Infância e Educação Infantil (GPEIEI-CNPQ-UESB).

Foto de capa: Reprodução / O sonho de Zezinho.

Gosta do nosso trabalho? Então considere apoiar o Conquista Repórter. Doe qualquer valor pela chave PIX 77999214805 ou assine a nossa campanha de financiamento coletivo no Catarse. Assim, você nos ajuda a fortalecer o jornalismo independente que Vitória da Conquista precisa e merece!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • some
  • Somos uma organização de mídia independente que produz jornalismo local em defesa dos direitos humanos e da democracia no sertão baiano.
  • Apoie

© 2021-2024 | Conquista Repórter. Todos os direitos reservados.