Grito dos Excluídos: em protesto contra o governo Bolsonaro, manifestantes fazem ato na Praça Sá Barreto, em Conquista

Por - 7 de setembro de 2021

Tradicional mobilização do dia 7 de setembro acontece nacionalmente e, em sua 27ª edição, é um contraponto às manifestações bolsonaristas de caráter antidemocrático registradas em diversas cidades do país no feriado de Independência

Enquanto apoiadores do presidente Jair Bolsonaro desfilavam pelas ruas de Vitória da Conquista nesta terça-feira, 7 de setembro, pastorais, sindicatos, movimentos sociais, partidos políticos e pessoas de diferentes orientações religiosas ocuparam a Praça Sá Barreto, no bairro Cruzeiro, para denunciar a desigualdade social do país e a política genocida do atual governo federal. A manifestação integrou a 27ª edição do chamado Grito dos Excluídos, tradicional mobilização de caráter nacional realizada no Dia da Independência.

Este ano, o Grito foi incorporado à campanha “Fora Bolsonaro”, que pede o impeachment do presidente, o avanço da vacinação contra a covid-19, uma educação de qualidade e a geração de empregos. Além disso, os manifestantes protestaram contra o aumento do valor dos alimentos, do gás de cozinha e da gasolina, e em defesa da democracia, ameaçada pelo que analistas políticos têm classificado como “insurreição bolsonarista”.

Em Conquista, o Grito dos Excluídos foi convocado pelas redes sociais por organizações políticas da cidade, em especial o Fórum Sindical e Popular. A concentração na Praça Sá Barreto teve início às 9h30. Para preservar a segurança dos participantes e evitar conflitos com manifestantes Bolsonaristas, a organização do ato decidiu não fazer o cortejo que estava previsto até a Praça Tancredo Neves.

Em vez disso, o protesto foi marcado por palavras de ordem, discursos de representantes dos movimentos sociais e entidades presentes, além de música ao vivo. Apoiadores de Bolsonaro passaram pela Praça Sá Barreto em carros e motos durante a manifestação, por volta das 10h30, mas não houve embates entre os participantes de ambos os movimentos.

O Conquista Repórter conversou com membros da organização do Grito dos Excluídos e representantes de demais organizações presentes no ato sobre o significado e a importância da mobilização em meio à conjuntura turbulenta a qual o Brasil está submetido diante das ações antidemocráticas que têm marcado o Governo Bolsonaro, sobretudo neste feriado de Independência. Confira no vídeo:

Gosta do nosso trabalho? Então considere apoiar o Conquista Repórter. Doe qualquer valor pela chave PIX 77999214805 ou assine a nossa campanha de financiamento coletivo no Catarse. Assim, você nos ajuda a fortalecer o jornalismo independente que Vitória da Conquista precisa e merece!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • some
  • Somos uma organização de mídia independente que produz jornalismo local em defesa dos direitos humanos e da democracia no sertão baiano.
  • Apoie

© 2021-2024 | Conquista Repórter. Todos os direitos reservados.