FIB 2022 diminui fronteiras entre mundo real e virtual em edição marcada pela mistura de ritmos

Por - 27 de agosto de 2022

Na primeira noite do Festival de Inverno Bahia, os espaços instagramáveis chamaram a atenção do público. No palco principal, se apresentaram a dupla Elba e Fagner, Dilsinho, Ivete Sangalo e Vitor Fernandes.

Com os chamados “espaços instagramáveis” espalhados por todo o Parque de Exposições Teopompo de Almeida, o Festival de Inverno Bahia teve início na noite desta sexta-feira, 26, em Vitória da Conquista. Após um hiato de dois anos, devido à pandemia da covid-19, o evento chegou à sua 16ª edição mostrando que a experiência FIB, definitivamente, deixou de se resumir às atrações musicais e abraçou de vez o universo imersivo das redes sociais.

Da entrada do camarote aos stands de patrocinadores, o que não falta na infraestrutura que foi montada neste ano para o Festival são locais para fazer boas selfies. A abertura dos portões, que anteriormente estava prevista para às 19h, foi alterada para às 20h. E mesmo quem deixou para comprar o ingresso na última hora não ficou sem participar da primeira noite do evento, já que a Rua Siqueira Campos, que dá acesso ao Parque de Exposições, estava repleta de cambistas.

No camarote, a festa começou mais cedo com apresentação do DJ Claudinho. Já a Arena Eletro Rock contou com um show de abertura da banda Roama, seguido de Essencial Hit, DJ Heric Damacena e DJ Peixoto. Quem gosta de Axé pôde curtir o som de Patchanka na Vila da Música, onde também teve apresentações de Péricles e Leonardo, Jô Almeida e da banda Circuito do Som.

Vale destacar que, nesta edição do FIB, o público que for à Vila poderá votar no seu cantor, cantora ou banda preferida, e a atração mais votada irá retornar ao festival no ano que vem para se apresentar no palco principal. A produção do evento, inclusive, se antecipou e montou um stand com venda de ingressos para o FIB 2023, com direito a sorteio de Iphone para quem já quiser ter sua participação garantida na 17ª edição da festa.

Shows do palco principal

Em 2022, a primeira atração do palco principal do Festival de Inverno Bahia foi a dupla Elba e Fagner, que abriram a noite de sexta, 26, com a música “Asa Branca”, em um show repleto de canções em homenagem ao Rei do Baião, Luiz Gonzaga. Eles subiram ao palco por volta das 21h45 e também apresentaram grandes sucesso de suas carreiras solo, como “Frevo Mulher”, “Chão de Giz”, “Deslizes” e “Espumas ao Vento” . “É importante que a gente traga as nossas raízes”, disse Fagner em coletiva de imprensa realizada antes da apresentação.

Presente no Parque de Exposições desde às 23h, Dilsinho foi o próximo a subir no palco principal do FIB 2022. Começou o show exatamente à meia noite com um de seus maiores hits, “Péssimo Negócio”, colocando o público para cantar ao som do seu pagode. Ele também performou sucessos que foram frutos de parcerias com outros artistas, como Henrique e Juliano, Maiara e Maraísa, Matheus Fernandes, Jorge e Mateus e Luísa Sonza.

Dilsinho ainda convidou alguns de seus backing vocals ao palco para se apresentar ao público do festival. Além disso, cantou clássicos do pagode nacional, como “Ainda gosto de você”, de Sorriso Maroto, e “É tarde demais”, de Raça Negra. “Depois de longos dois anos, só de a gente estar junto aqui, somos sobreviventes dessa loucura toda”, afirmou o cantor, fazendo menção à pandemia da covid-19.

A mistura de ritmos e estilos musicais que marca a 16ª edição do Festival continuou com o show da baiana Ivete Sangalo, que, mesmo estando com o braço quebrado, fez a galera pular e dançar durante toda a sua apresentação. Recebida pelo público com gritos de “Lá vem ela”, fazendo referência à sua musica “Tá solteira, mas não tá sozinha”, a rainha do axé trouxe um repertório repleto de sucessos, como “Tempo de alegria”, “Abalou” e “Acelera aí”.

“Quase três anos longe de Conquista, já estava me sentindo fraca emocionalmente. Esse bracinho aqui quebrado é apenas um detalhe. Se divirtam. Eu trouxe o Carnaval pra gente”, disse a cantora. Antes do seu show, parte do público ensaiou um “Fora Bolsonaro” e, logo depois, teve gritos pró-Lula, seguidos de vaia de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro.

A apresentação de Ivete terminou por volta das 3h30 da manhã. Cerca de meia hora depois, Vitor Fernandes foi recebido no Palco principal para encerrar a primeira noite do Festival de Inverno no ritmo do piseiro. Seu show marcou a estreia, no evento, desse estilo musical que tem conquistado o país. “É uma sensação única. Eu nunca imaginei estar aqui”, contou o cantor em coletiva de imprensa. O repertório de Fernandes contou com canções como “Vou falar que não quero” e “Acaso”.

Gosta do nosso trabalho? Então considere apoiar o Conquista Repórter. Doe qualquer valor pela chave PIX 77999214805 ou assine a nossa campanha de financiamento coletivo no Catarse. Assim, você nos ajuda a fortalecer o jornalismo independente que Vitória da Conquista precisa e merece!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • some
  • Somos uma organização de mídia independente que produz jornalismo local em defesa dos direitos humanos e da democracia no sertão baiano.
  • Apoie

© 2021-2024 | Conquista Repórter. Todos os direitos reservados.