Covid-19: conquistenses questionam falta de atualização dos dados da vacinação no Conecte SUS

Por - 2 de setembro de 2021

De acordo com o Ministério da Saúde, as doses devem constar no sistema em até 10 dias após a aplicação, mas em Conquista, fonte entrevistada pela nossa reportagem está há mais de um mês sem ter a vacina registrada na plataforma

A falta de atualização dos dados relacionados à vacinação contra a covid-19 no Conecte SUS, ferramenta criada pelo Ministério da Saúde para o monitoramento de atendimentos e exames no Sistema Único de Saúde (SUS), tem sido tema frequente em comentários feitos no perfil da Prefeitura de Vitória da Conquista, no Instagram. “Quando vocês vão lançar os dados da vacinação no app? O atraso é imenso e gera prejuízo para quem já se vacinou”, questionou um usuário. Outro internauta disse: “as vacinas não estão constando no Conecte SUS. O que posso fazer para verificar o que houve de errado?”. Nenhuma das perguntas foi respondida pela Secretaria de Comunicação do Executivo.

Lançada através da Portaria GM/MS nº 1.434, de 28 de maio de 2020, a plataforma é utilizada pelos brasileiros para acessar informações sobre os imunizantes aplicados contra a covid-19, como o tipo de vacina aplicada, o lote de fabricação e a data em que a dose foi tomada. De acordo com o Ministério da Saúde, os estados e municípios são responsáveis por transferir os dados para o aplicativo, por meio da Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS). Ainda segundo o órgão, as doses devem constar no sistema em até 10 dias após a data da aplicação.

Mas em Conquista, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) não tem atualizado o sistema de monitoramento nacional. Adller Chaves, professor da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), tomou a 1ª dose da vacina AstraZeneca/Fiocruz/Oxford no dia 22 de julho e até esta quinta-feira, 2, não consta no Conecte SUS o registro do imunizante. Enquanto isso, uma semana depois que a sua esposa recebeu a primeira dose, na cidade de Itapetinga, o registro já estava disponível na ferramenta do Ministério da Saúde.

Outro conquistense, que pediu anonimato à nossa reportagem, tomou a 1ª dose da vacina contra a covid-19 no Rio de Janeiro e, após oito dias da aplicação, os dados já estavam registrados no Conecte SUS. Já a 2ª dose, que recebeu no município há três semanas, ainda não consta no aplicativo. “A minha esposa tomou as duas doses aqui em Conquista, sendo a primeira há três meses e não está no app até hoje”, contou.

Nossa reportagem solicitou posicionamento da Secretaria Municipal de Saúde acerca do atraso na atualização dos dados no Conecte SUS, através de e-mail, mas não obteve resposta até o fechamento desta matéria.

Como realizar o cadastro

O acesso ao Conecte SUS deve ser realizado através do site conectesus-paciente.saude.gov.br ou do aplicativo disponível na loja do smartphone ou tablet, de forma gratuita. Na plataforma, o usuário pode fazer o login em sua conta cadastrada no sistema do Governo Federal, por meio do CPF, ou criar uma conta, caso ainda não a possua.

A plataforma de monitoramento permite, além da visualização da carteira de vacinação digital, a emissão do certificado nacional de vacinação covid-19. O documento serve para comprovar que a pessoa tomou uma ou as duas doses do imunizante contra o novo coronavírus. Ele pode ser emitido também em inglês ou espanhol, já que pode ser utilizado em casos de viagens internacionais que exigem a comprovação da conclusão do esquema vacinal.

No Brasil, a obrigatoriedade do “passaporte da vacina” entrou em vigor nesta quarta-feira, 1º, em São Paulo. Jovens conquistenses que ainda não foram imunizados devido a lentidão da vacinação em Conquista não tiverem permissão para participar de um grande evento na capital paulista.

Foto de capa: Reprodução / Governo Federal

Gosta do nosso trabalho? Então considere apoiar o Conquista Repórter. Doe qualquer valor pela chave PIX 77999214805 ou assine a nossa campanha de financiamento coletivo no Catarse. Assim, você nos ajuda a fortalecer o jornalismo independente que Vitória da Conquista precisa e merece!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • some
  • Somos uma organização de mídia independente que produz jornalismo local em defesa dos direitos humanos e da democracia no sertão baiano.
  • Apoie

© 2021-2024 | Conquista Repórter. Todos os direitos reservados.